Santarém - 12 de dezembro de 2017
Notícias / Infraestrutura
31 de outubro de 2017 - 19:04

Obras de esgotamento sanitário serão concluídas em 2018

As obras obras fazem parte do projeto Orla

As obras de esgotamento sanitário do Programa de Aceleração do Crescimento – PAC 2, que estão ocorrendo na Avenida Tapajós, serão concluídas até o segundo semestre de 2018, é o que adiantou o prefeito Nélio Aguiar e a empresa Carmona Cabrera, responsável pelo serviço, durante reunião com a Diretoria Executiva da Associação Comercial e Empresarial de Santarém, na noite de segunda-feira (30/10).

Reunião na ACES

Segundo o coordenador de Obras da empresa Carmona Cabrera, Diogo Figueiredo, 44,25% do projeto já foi executado. A partir do mês de novembro começará os serviços de: “Status Sistema UBOX – ETE (Estação Elevatória de Tratamento de Esgoto – Mapiri”), Status EEE (Estação elevatória de Esgoto), Status Redes e Ligações Domiciliares. Esta última obra será executada durante o mês de dezembro de 2017, com estimativa de 25 novas ligações no município. Além disso, a empresa trabalha na instalação do Coletor Tronco, que consiste em uma rede principal que recebe apenas contribuição de esgoto de outros coletores responsáveis por levar essa contribuição até a EEE (Estação elevatória de esgoto), sendo que faltam 435,42 m, de um total de 1670,36 metros.

Até o momento foram construídos um muro de arrimo com 225 metros de extensão para execução da uma orla, construção de rampa, assentamento de ladrilho hidráulico, postes, Guarda-Corpo e concretagem da escada de acesso à praia.

“Esta é uma obra importante para Santarém, pois, quando em funcionamento irá melhorar nossa infraestrutura de rede de esgotamento sanitário”, afirmou o presidente da ACES Roberto Branco.

 

Obras de infraestrutura na cidade

O secretário municipal de Infraestrutura (Seminfra), Daniel Simões, esteve presente na reunião e apresentou 34 projetos que estão sendo executados pela prefeitura na cidade, totalizando um investimento na ordem R$ 291 milhões. Em destaque para a retomada da segunda etapa das obras da Praça de Eventos, na Avenida Anísio Chaves, reconstrução do anel viário do bairro Santarenzinho. O projeto do hospital Materno Infantil será feita uma nova licitação, tendo em vista a necessidade de refazer a especificação técnica e uma nova planilha orçamentária. Construção de Unidade Apoio Abastecimento (UADAF); Segunda etapa da pavimentação da estrada Pindobal-Alter do Chão; Já foram licitados equipamentos para seis academias ao ar livre.

Por fim, o prefeito Nélio afirmou que o Ministério do Turismo pretende investir R$ 4 milhões na cidade. “Vamos aproveitar esse recurso para melhorar a urbanização da orla do Maracana”, finalizou.

Deixe seu comentário
COMUNICAÇÃO ACES - Jornalistas Responsáveis
Empresarial