Santarém - 17 de novembro de 2017
Notícias / Turismo
29 de agosto de 2017 - 16:16

Em Tribuna Livre, ACES protocola documento solicitando ações efetivas para o turismo em Santarém

Câmara Municipal promoveu o debate sobre o setor turístico de Santarém

Plenário da Câmara Municipal

Nesta terça-feira (29/08), o turismo no polo Tapajós foi tema da Sessão de Tribuna Livre na Câmara Municipal, encabeçada pelo vereador Alaércio DrogaMil (PRP), que contou com a participação de representatividades ligadas ao setor. A ACES, representada pelo presidente Roberto Branco e diretor Emanuel Julio Leite, pontuou as ações que merecem atenção especial do setor público, com total envolvimento do setor privado para que se consiga verticalizar o setor.

Santarém abrange um quinto de todo o turismo do estado do Pará, englobando as diferentes modalidades turísticas, ou seja, turismo, turismo de consumo, turismo gastronômico, turismo ecológico, turismo de aventura, turismo religioso, e turismo cultural.

Durante a Tribuna, o líder da Câmara de Turismo da ACES, Emanuel Júlio Leite entregou ao presidente da Câmara Municipal, Antônio Rocha, um documento falando sobre a importância de colocar em prática as 69 ações pontuadas no Plano Estratégico de Turismo de Santarém e Belterra (Plano Encontro), além de priorizar Alter do Chão como centro das ações, uma vez que é considerado um dos destinos turísticos mais prestigiados em toda a região amazônica. Porém, os enormes recursos naturais se deparam com limitações de ordem estrutural que terminam por comprometer a imagem do destino. Alter do Chão agrega valor por atuar como centro irradiador de roteiros turísticos, o que dá ao visitante a possibilidade de conhecer lugares igualmente paradisíacos, como Canal do Jari, Ponta de Pedras, Reserva Extrativista Tapajós Arapiuns, Floresta Nacional do Tapajós, o centro histórico de Belterra e suas praias, Ponta do Cururu, Lago Verde, Floresta Encantada do Caranazal, Escola da Floresta, entre outros.

O município tem alcançado o reconhecimento de cidade turística, por isso também foi sugerido ao Poder Executivo, que se aumente a dotação financeira para a Secretaria de Turismo, responsável pelo desenvolvimento das políticas de desenvolvimento de atividade da área. “Nós sabemos que hoje o orçamento para o setor turístico é o menor de todos, o que se torna incoerente com a vocação turística do município, reforçada muitas vezes pelos representantes políticos, por isso nosso pleito neste dia”, destacou Emanuel Júlio.

Será elaborado de um documento oficial, que será encaminhado ao Governo do Estado e Governo Federal relacionando as principais solicitações para melhorar o turismo na região. Ainda foi sugerida aos vereadores presentes na sessão a integração e participação ativa do grupo gestor que será criado para tratar constantemente o assunto.

Deixe seu comentário
COMUNICAÇÃO ACES - Jornalistas Responsáveis
Empresarial